Together Forever.

Daisypath Anniversary tickers

30 de março de 2010

Diversidade: Você sabe respeitar?

Outro dia, estava eu num raro momento de paciência no ponto de ônibus, sob uma fina chuva e um dia cinza, quando me aparece uma senhorinha. Primeiro ela me perguntou há quanto tempo eu estava ali e se o próximo ônibus demoraria a passar. Respondi educadamente. A senhora, por sua vez questionou-me de onde vinha e para onde eu ia. Mais uma vez, respondi educadamente.
Ela me contou que ia à um encontro de terceira idade na igreja onde frequenta, reclamou da falta de tempo para fazer as unhas, que anda muito atarefada entre outras coisas.
Ouvi pacientemente. Ela então me perguntou há quanto tempo sou casada. E eu com cara de quem já estava perdendo a paciência, respondi, sabendo que dali ainda vinha mais coisas. E não é que veio?

- Já está na hora de você ter um filho...
- Puuuuutz!
- ...mas já vou lhe dizendo, não se encha de filho, pois homem não cuida. E depois ele começa a ganhar mais e vai te deixar com os filhos pra criar...
- Ê caralho! - pensei.
-... por que eu já tenho experiência nisso...
- Olha minha senhora, eu não tenho problemas com meu marido. Nós, graças a Deus, vivemos muito bem. Não queremos filho agora. Temos outros objetivos.

Eu penso da seguinte forma: não é por que o casamento de fulano ou ciclano não deu certo que o meu também irá para o brejo. Uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa. Experiências mal sucedidas acontecem com todos. Umas pessoas se dão bem outras não. É a lei natural da vida e é preciso respeitar. Também não vou ficar me vangloriando pelas minhas conquistas.

- Ele é bonzinho por que faz pouco tempo que vocês são casados. Espere mais um pouco... Você é católica, evangélica?

Tá, nos CASAMOS em fevereiro, mas acho que respeito, carinho, compreensão e companheirismo não tem prazo de validade. E esse papo de curso de noivos, foi na prática. Compartilhamos um ano de nossas vidas sob o mesmo teto e valeu como um puta aprendizado. E odeio quando colocam religião na conversa.

- Não, não frequento igreja alguma.
- Outro conselho que te dou. Procura uma igreja, não te falo para ir na Congregação e nem na Assembléia, por que lá eles tem a mente muito fechada...

Êpa! Peraí? quem tem a mente fechada é ela. Onde já se viu criticar assim a religião alheia? Eu posso até não frequentar uma igreja assiduamente, mas tem gente na minha família que frequenta a Congregação sim, e daí?

-... vai na igreja tal, eu frequento lá. Você precisa aceitar Jesus. Ele vai mudar a sua vida. Também não vá na igreja católica. Lá eles são todos idólatras - LISTEN MODE OFF - blá blá blá.

Não podemos julgar as crenças das outras pessoas. O que dá a salvação não é a placa da igreja, é o que a pessoa tem dentro de si.
Não adianta ficar dentro de uma igreja louvando e pedindo se na rua você julga seu próximo e fala mal de seu vizinho.
O respeito às escolhas das outras pessoas deve ser considerado, pois temos o livre arbítrio. Logo, posso ir na igreja onde me sinto à vontade, posso casar quando eu achar que devo e ter filhos no momento em que julgar oportuno.
Simples assim.

5 comentários:

Casadinha Ursinha disse...

ei mlr, tá sumida!


uma semana abencoada!

bjuxx

..Mônica.. disse...

mas como tem gente qe se mete né?!
aff.
nem te conhece, humpf, doida!
=)
até qe vce foi bem educada, eu acho qe não seria não, rs.

beijo, beijo.

Hellen Suzane disse...

Sempre encontramos gente assim nessa vida!Mas não podemos deixar de fazer as coisas pensando sempre no seu lado negativo, de que não vai dar certo!

Encontramos várias pessoas pra derrubar relacionamentos, mas o amor é capaz de vencer todos esses pré julgamentos!

Cécil disse...

Concordo em gênero, número e grau!

Bjokas

Amanda Zambrim Aranda disse...

Aii como eu odeio quem fica conversando em ponto de onibus e ainda mais discutindo casamento e religiao, aff, ninguem merece.
Uma vez eu saí do treinamento da sercomtel e tava indo trabalhar, tbm num dia de chuva, uma infeliz veio me encher as paciencias e eu tava completamente sem paciencia, respondi seca e calei a boca, pra ela nao foi suficiente e eu tive que trocar de ponto de onibus, acredita que a FDP foi no outro tbm??? Fiquei puuuuuuta de raiva aushuahsuahusa, ignorei de novo e entrei no listen mode off tbm hahahaha
Gente sem noção é o ó aushauhsua
Bjuss