Together Forever.

Daisypath Anniversary tickers

31 de dezembro de 2009

Mensagem para um novo ano.

Ano novo, seja bem vindo. Que bom que chegou. Estou cheia de expectativas, sabia? Não me decepcione! Estou ansiosa!
Eu agora quero ser mais feliz, quero tudo de bom para mim e para os que me cercam.
Eu quero que o MEU DIA seja um dos mais felizes da minha vida. Que meus sonhos se realize.
Eu quero melhorar minha condição profissional. Quero fazer novas amizades também.
Eu quero viajar mais, me divertir, aprender coisas novas, compartilhar o que já aprendi com quem não sabe... Quero fazer um trabalho voluntário. Vou ajudar pessoas que precisam.
Quero ter a minha casa mobiliada com cachorro no quintal e carro na garagem. Tá bom... Só a casa e o cachorro por enquanto.
Eu quero ter saúde, paz, amor. Sorte e dinheiro no bolso. I wanna rock'n'roll all night and party every day!!!
Eu quero rir de Palmeirenses e Conrinthianos. Quero pedalar mais e mais e para lugares mais distantes. Quero que o sol brilhe todos os finais de semana.
Quero para mim e para os meus familiares, amigos e colegas de trabalho.

Adeus, ano velho. Adeus! Foi bom tê-lo por aqui mas já está na hora de irmos nos despedindo.
Você foi para mim um ano de transformações mas ainda assim não atingiu as expectativas. Me trouxe bastante coisas boas sim, reconheço, mas não foi aquilo tudo que eu imaginava. Sorry. Agora vá e não olhe pra trás.

30 de dezembro de 2009

Tá acabando!!!

Então, gente, mais um ano está no fim.
Passou muito rápido. Acho que passa mais rápido ainda quando estamos na expectativa por alguma coisa e quando nos damos conta, tudo aquilo que até agora há pouco era projeção agora começa a fazer parte do passado.
Eu, como todo mundo fiz promessas de ano-novo e hoje começo a pensar em tudo que realizei. Não foi muito, mas o pouco que conquistei já me deixa feliz.
O novo ano há de ser melhor. Melhor em todos os sentidos. Dá pra fazer muita coisa diferente. Estou animada até, com os projetos futuros.

Fazendo uma retrospectiva, achei alguma coisas marcantes:

- Janeiro: Mês em que nosso hóspede (Indião) foi embora e começamos a descobrir como seria nossa vida a dois dali pra frente. Foi em janeiro que ficamos "noivos" oficialmente.

- Fevereiro: Começamos a pensar na oficialização. Tiramos férias, fizemos uma viagem de 15 dias por vários lugares. Foi legal. Teve casamento na família. Curtimos muito.

- Março: A "casa caiu". Ficamos igual um casal de baratas tontas quando o Fabiano ficou sem emprego. Mesmo assim não desistimos. Fomos atrás e fechamos os primeiros contratos.

- Abril: Vovó virou uma estrelinha. Teve casamento na família no mesmo fim de semana, mas não foi a mesma coisa. Inauguramos o blog.

- Maio: Nada de tão grande e memorável além da minha zica com buffet. O Fabiano começou a trabalhar no finalzinho do mês.

- Junho: Dia dos namorados. Compramos uma bicicleta.

- Julho: Já estávamos com boa parte das coisas encaminhadas. Só faltava pagar...

- Agosto: Fabiano saiu do emprego. Compramos outra bicicleta. Continuamos atrás das coisas.

- Setembro: Muita chuva. Quase emboloramos. Nossa conta bancária estava no zero a zero. Fabiano arrumou outro emprego.

- Outubro: Viajamos!!! (Dois loucos)

- Novembro: Já estávamos com 80% de tudo acertado e pago. A conta já não estava no zero a zero. Começava a entrar no vermelho.

- Dezembro: Agora faltando pouca coisa pra acertar. Muita festa, alegria... correndo atrás do prejuízo...

E assim, acaba nosso ano.

29 de dezembro de 2009

Dodói.

Sabe aqueles dias em que você acha que deveria ter ficado em casa?
Estou assim hoje.
Estou ruinzinha com gripe desde sexta-feira, hoje está um dia cinza, sem sol, com neblina e não está calor. Aí vem o chefe, cheio de antropausa pra dar, me liga esse ar-condicionado gelado na cara. Ninguém merece. Dá vontade de meter o pé naquele * seco.
Mas como Deus escreve certo, saio ao meio dia. Vou ao médico. Se tudo der "certo" só volto amanhã.



25 de dezembro de 2009

É... O Natal já passou...

Gente, que loucura! O Natal já passou!!
Parece que estava tão longe e agora... Daqui a pouco será ano novo (de novo).
O Natal lá em casa foi sossegado. Eu fiz as comidas e minha mãe fez a carne. Ia ser estrogonofe, mas meu pai, bem lombriguento, nos fez mudar o cardápio na ultima hora para fazer peru e leitoa. Então ficou assim: minha mãe assou as carnes e eu fiz o resto (arroz, farofa, creme de milho, salada e sobremesa).

Na foto, eu, literalmente fazendo doce e sujeira na pia.

Não tenho fotos da mesa da ceia pelo seguinte motivo: faltou energia pouco antes de servirmos o jantar. Ficamos num breu (obrigada, Copel) das 22h à 1h do dia 25/12. E nessa de ficar no escuro, meu pai dormiu na sala, o Fabiano juntamente com meu irmão mais novo ficaram farreando, enquanto meu outro irmão estava na casa da namorada. Quando a luz voltou, o pessoal já estava de pança cheia às custas de cerveja, azeitonas e mussarela. Atacaram essa sobremesa e toda a comida ficou de lado, para o almoço.
Trocamos presentes, fotografamos um pouco e fomos dormir.
E se alguém me desejar um Natal de Luz, juro, dou na cara!

20 de dezembro de 2009

Então é Natal...



Está chegando. E aí? Já tá tudo certo?

Aqui já estamos no embalo, compramos os presentes, estamos elaborando o cardápio... Vai ter estrogonofe de carne, bastaaaaaante batata palha e sobremesa, né!

Vai ter presentinho para todos. Gastei no máximo R$13, para cada um. São coisinhas simples mas não vai passar em branco.

Não fizemos árvore. Só colocamos a guirlandinha na porta e o que vale são as boas intenções.

E assim, muito trabalho ainda, pela frente até que venha o feriado e espero que seja tudo legal e saia conforme os planejamentos.

Em breve expectativas de ano-novo.

18 de dezembro de 2009

Dá um close...

Ficou lindo, não é?
Arte da Arlete. Em breve mais fotos!!!

16 de dezembro de 2009

E daí, Fabiane? Como foi seu dia?

Pois é gente, hoje o dia foi só correria.
Começou bem cedo com a visita ao cartório. Marcamos nossa data lá e já assinamos os termos para entrada no processo.
Depois mais correria. Fui comer alguma coisinha, comprar o presente de Natal que faltava na lista.
Comprei os porta-retratos que daremos aos pais. Comprei CD's também. Decidimos que para os padrinhos, daremos um CD com a trilha sonora. Além do CD, comprei etiquetas (das redondas, próprias para esse fim) e envelopes para embalar cada um. Comprei o papel para a Lu fazer a caixinha do CupCake. Gastei uma grana na loja... mas gente, o que é aquela Kalunga? Tem taaaaanta coisa!
Depois fui almoçar e namorar um pouco pois também sou filha de Deus.
Cortei o cabelo!!! A cada mês que passa fica mais curtinho.
Correi no mercado, para trocar 1kg de alimento por um ingresso para ver patinação sábado.
Peguei o biscuit. Genteeeee!!! Ficou a coisa mais linda do muuuundo inteirinho! Apaixonei! Logo posto uma foto!
Fui na casa da Mamys. Preciso zoar meus irmãos né!?
Enfim... Foi assim... Agora é jantar e dormir!

15 de dezembro de 2009

Aquisições.

Finalmente, depois de alguns meses, ficaram prontas e eu fui buscar: São as caixinhas para as lembrancinhas e as forminhas para doces.
Cá estão e mostro para vocês.

Esta é a caixinha. Feita em papel cartão branco, mármorizado em dourado. O fecho da tampa forma um coração e o laço é em fita de nailon. Vou colocar aí as lembrancinhas para as madrinhas. Comprei 12 dessas caixinhas, à R$0,69 cada uma.


Essas são as forminhas para doces, feitas em papel crepon. Na loja estavam disponíveis em várias cores e tamanhos. Essas são as menores e mais simples. A caixa com 90 ficou em R$13,00.
Foram feitas por alunos do ILECE. Vale a pena conhecer a loja, que está instalada na Jk com a Alagoas. Tem várias peças bacanas, também produzidas por alunos além de artigos de bazar.

14 de dezembro de 2009

Os preparativos pro casório?

Mew, não sei... Só sei que está tudo muito corrido. Muito mesmo! E a grana, cada dia mais curta. E a cabeça fervendo. E o tempo se esgotando.
Parece que os dois últimos meses são os piores, em termos de correrias e decisões.
Daqui até o casório restam ainda pouco menos de dois meses, dos quais tenho apenas um pra resolver o que falta, pois no último mês mesmo, quero férias por completo!
Essa semana devemos ir até o cartório dar entrada nos proclamas. Quero também buscar meus noivinhos.
Preciso pensar e decidir as lembrancinhas pros padrinhos e comprar o porta-retrato para os pais.
Preciso fazer uns arremates no vestido e fechar um hotel para a lover's hot night.
Falta também correr atrás das flores de lapela e adereços da pista.
Acho que não serviremos bebida alcoólica por razõe$ obvia$.
Acertar a embalagem da lembrancinha, entregar os convites que faltam...
Decidir repertório e marcar reunião com fotógrafos... Aiiiin... Acho que matar só um dia de serviço vai ser pouco!

Sabe, isso tudo dá uma ansiedade, um stress... Credo!
Até sonho ruim acontece com mais frequência quando estamos nesse ritmo e agitação.
Sonhei que no dia do casamento alguns padrinhos não apareciam, os fotógrafos davam os canos, chovia bagarai e meu vestido encharcava... Tudo isso num sonho só!

Mãe, me ajuda?

11 de dezembro de 2009

Querido Papai Noel...

... esse ano me comportei direitinho. Não comprei mais que 5 pares de sapato para mim, não gastei muito com roupas e nem com chocolates. Não comprei maquiagem desnecessária e nem bijux que não fosse usar.
Consegui economizar e pagar quase tudo do meu casamento e não atrasei nenhuma conta lá de casa.
Não briguei com o Fabiano sem razão e aguentei firme e forte todas as minhas crises, sendo elas de identidade, financeira ou de TPM.
Enganei a preguiça e não me atrasei para o trabalho. E nem saí mais cedo. Não briguei com meu chefe. Quer dizer, não tanto assim... sabe como é, né?
Fui ecologicamente correta e só andei de bicicleta e participei do projeto de coleta seletiva na empresa. Fiz trabalho comunitário aos sábados e prometo fazer de novo no próximo ano. Doei roupas e alimentos. Abracei quem precisava, ajudei meus amigos, aguentei ver meu time perder na final do Paulistinha e se sair muito mal nos demais campeonatos que disputou. Fui chacotada por isso.
Não briguei com meus irmãos e nem com a minha cunhada. Passei as férias na casa da minha sogra numa boa. Emprestei dinheiro pro meu pai e comprei coisas para minha mãe...
Tá bom, Papai Noel... Eu sei, nem tudo é perfeito. Sei que fiz algumas traquinagens, mas foi tudo na boa intenção pois a final não depredei patrimônio público, embora tivesse cheia de vontade!
Então, será que o senhor pode avaliar meu cadastro aí e me dar um presente? Só unzinho? Não é muita coisa não. É que faz tempo que não ganho brinquedo novo!
Se achar que mereço, manda um desse pra mim?

Na foto, Chevrolet Camaro. O Bumblebee do filme Transformers. Vi por aí numa das minhas andanças.
Brigadão!

-------------------------------------------------------------------------------------------------
Eu sei que Papai Noel não existe oficialmente, mas não custa pedir com carinho, né? A final todo mundo passa vontade uma vez na vida...

9 de dezembro de 2009

A TPM ainda me mata!

Hoje não estou legal.
É um daqueles dias que não estou com paciência para nada.
Estou completamente sem paciência, morrendo de sono, completamente insegura e com um pouco de dor na mão direita (de tanto digitar os códigos, CNPJ e valores), me sentindo uma completa e perfeita mocréia e com ódio do meu cabelo.
Neste exato momento, eu gostaria de estar na minha casa, deitadinha, quietinha, só olhando o tempo passar. Mas não, estou aqui pensando em como amanhã poderia ser um dia lindo se eu conseguisse concluir todas as minhas obrigações para tirar um dia de folga (restam 2 por um domingo trabalhado nas eleições) e não vir trabalhar sexta.
Mas amanhã é feriado municipal, vou correr com o serviço de casa, vou buscar meu biscuit e minhas forminhas... Vou chamar minha mãe para ir ao shopping... Quem sabe um par de sapatos novos não me fazem bem? Ah, é! Tipow... Não tô podendo mais gastar!
Hoje é dia de confraternização da firma. Vou pra casa tomar um belo banho, pegar o presente do meu amigo secreto e partir pro boteco!

Cansei...

7 de dezembro de 2009

Meu chá de cozinha foi assim:

Então... Era pra esse post ter saído ontem, mas domingo não dá muita coragem de ficar na frente do computador. E tive outros compromissos também... Vamos ao que interessa: Meu 13º demorou para sair. Quando veio, os preparativos para o chá já estavam atrasados. Ficou tudo para a ultima hora, me estressei a beça. Na ultima terça comprei os refrigerantes e os ingredientes para os doces. Na sexta-feira, fiz os cartões para a lembrancinha, comprei as cervejas, fiz os doces, limpei a bagunça dentre outras coisas.
Sábado, fui ao centro comprar o que faltou: descartáveis, TNT, flores...
Dei conta de arrumar o salão em tempo. O moço da padaria não atrasou a entrega e a diversão foi garantida.

Seguem fotos:

As toalhas das mesas são feitas de TNT, para o vaso, usei vidros de maionese, fitilho para fazer o laço e galhos de crisântemo. Comprei 3 galhos, que foram suficientes para compor 4 vasinhos desse. Essa decoração ficou em R$8,55.

Como não pedi nada além do presente, a merenda ficou por minha conta. Servi pão de queijo, croissant de frango, empadinhas de massa podre, sonho, brioche, salgados fritos, sanduíches de peito de peru, bolo e docinhos, além de refrigerante e cerveja. Ficou em R$138,50.


Não encomendei as tradicionais lembrancinhas. Preferi oferecer pirulitos em formato de coração. Ficou em R$5,70 (40 unidades).

Não vou por a minha cara enfarinhada aqui, né? Visão do inferno. Fiquei parecendo aquela menininha do filme "O Exorcista". Mas foi bem legal. O pessoal não pegou pesado, pois pintei algumas meninas também (é... quem inventa, aguenta!).



Presentinhos que ganhei das meninas. Como fiz o convite via e-mail (puta falta de tempo pra fazer no modo tradicional) deixei a lista de presentes na Camicado.

E no final, juntamos as mesas, falamos mal de muita gente, bebemos e comemos muito bem, todo mundo saiu contente e feliz. Imagino que todas se divertiram, apesar de mais da metade não ter aparecido. Quem não foi perdeu!
Achei essa experiência bem legal. Apesar de pagar os micos me diverti também. A cerveja estava gelada, o salgado estava uma delícia e as piadinhas... bem, melhor não comentar!
Espero poder fazer mais festinhas assim.
Agora é só esperar pelo dia do casamento.

4 de dezembro de 2009

Feeeeestxééénhaaaa!!!

Hoje acordei ligada. E não é para menos, amanhã é dia de chá de cozinha lá em casa!
Uêba!
Já comprei quase tudo. Ainda hoje vou chegar em casa, comprar umas cervejas, fazer o bolo e os docinhos e amanhã vou até o centro comprar a lembrancinha e outras coisas que faltaram.
Preciso correr, chegar em casa até 12h pra poder arrumar tudo no salão e me arrumar linda, pra esperar as meninas!
E por estar me sentindo um tanto mais animada hoje, sugiro cantarmos e viver no ritmo dessa música:
"Não, não passa o tempo/ ao menos para mim/Tomo comprimidos e sigo sem dormir/Vejo tantos portos, não há onde atracar/Já não existem laços, alguém cortou/Trac, Trac, Trac..."

Simbora moçada, domingo tem foto!!!

1 de dezembro de 2009

Já é Dezembro!

Passou rápido prá caramba, vocês viram?
Até pouco tempo atrás eu estava contando os dias para a páscoa e agora já é quase Natal de novo!
Só que Natal é mais mágico, mais especial. Só de pensar em Natal eu já fico feliz.
Essa época também traz uma certa nostalgia. Minhas melhores lembranças da infância são das férias do fim de ano, das festas, dos amigos e primos que vinham de longe passear...

Agora cá estamos, enfeitando nossas casas, planejando férias e programação das férias...

Sem palavras... Dezembro é tudo de bom.

Eu só gostaria de não ter tantas dívidas, assim poder presentear dignamente a minha família. Esse ano, a ceia será básica e o pessoal ficará com a lembrancinha!

30 de novembro de 2009

Vida de dona-de-casa...

... Não é fácil, não!!!
E sabadão é dia de cuidar da casa, das roupas, das compras, do marido e de tudo mais que te cerca no mundo inteirinho. Isso cansa. Ainda mais em dias chuvosos... desestimulo total!
Confesso que meu 13º ferrou com a minha programação de contas, mas quando veio me pegou de surpresa: saiu sábado!!!
Depois de cumprir as obrigações domésticas, lá estava eu, mulher moderna, contente e feliz, gastanto salto no shopping, com apenas R$3, na bolsa e o namoradinho pela mão, quando me vem uma luz de esperança para consultar o saldo e ver se o agrado já estava lá. E não é que estava mesmo?
Não perdi tempo!!! Corri no Carrefour e comprei tudo o que precisava lá em casa! Bom, o que não precisava também. Convenhamos, eu e o Fabiano não temos mente adulta o suficiente a ponto de não abrir mão de Toddynho, Elma Chips e outras coisas que quando crianças, nossas mães nos privava, para não comprometerem o orçamento.
Pensando bem, acho que vou ter que voltar ao supermercado ainda essa semana, pois não compramos frios, legumes ou qualquer outra coisa que adulto aprecia. Ah, e tem meu chá de cozinha também... Tá chegando! Preciso pensar num cardápio que agrade as meninas!

Aproveitei o dinheirinho extra e já comprei o presente do meu amigo secreto, aqui da firma. Nunca mais (por enquanto) coloco os pés na Americanas. Os caras vendem CD e DVD a preço de banana! Ampliei a minha coleção. Agora tenho o Estandarte, do Skank e o DVD Acústico MTV do Charlie Brown Jr.

Uhuuull!

27 de novembro de 2009

Se homem jogasse Buquê...

Meninos e meninas do meu Brasil varonil!!!
Recebi esse vídeo por e-mail e achei legal mostrar para todos vocês. É bem verdade que se homem jogasse o buquê seria assim.

video

É por essas e outras e digo à todas vocês: Casem enquanto é tempo!!!

26 de novembro de 2009

Facim, facim...

Gente!
Enquanto eu escrevia o post de ontem, sério mesmo, já estava com uma foooooomeeeee... Comecei a salivar aqui, pensando num sanduíche de pão com ovo e bacon, daqueles bem gordurentos, sabe??
Huuuuuum... Adoro! ^^

Outra coisa que eu gosto muito também é pudim, e me lembrei de um "Causo" que agora vou contar: Há um tempo atrás, uma conhecida minha se casou, mas não sabia fazer absolutamente nada em casa. Sempre teve tudo na mão e de repente teve que se virar.
Aconteceu que passei a ela uma receitinha de pudim super fácil de fazer e enquanto explicava ela anotava. Até aí tudo bem... Lá pelas tantas ela liga:
"Faby, a receita não deu certo, acho que coloquei muita água!"
"Hãn??? Como assim???"
"É que o pudim está meio líquido... não devia ficar assim, né?"
Era pra colocar a água na panela do cozimento e não no meio do pudim!!!

Se alguém quiser essa receita pra testar, é fácil assim:
1 lata de leite condensado;
1 lata de leite (a medida);
3 ovos;
4 colheres caprichadas de açúcar;
2 copos de água (para cozimento);
Bata no liquidificador os ovos, o leite e o leite condensado; Coloque o açúcar naquela forma pra pudim e leve ao fogo pra formar o caramelo (não sei caramelizar de outra forma). Coloque a mistura sobre o caramelo e cozinhe em banho maria* (aqui entram os dois copos de água).

Dicas:
- Para saber se já cozinhou, espete um palito de dente. Se sair limpo, ótimo, se não, deixe cozinhar mais um pouco.
- Para que o ovo não deixe muito cheiro no pudim, retire aquela membrana que envolve a gema.

*Banho maria nada mais é que colocar água em uma panela maior e dentro desta mesma panela, um recipiente menor, para que, quando em fervura, o alimento da panela menor cozinhe.

Na falta do que falar, dei a minha receita de pudim. Não é ruim não, pode confiar cegamente!

25 de novembro de 2009

Fabiane Responde!

Está no ar mais um programa "Fabiane Responde", aqui na blogosfera, senhoras e senhores!
E a perguntinha de hoje veio da nossa amiga Ursula, acompanhem só:

"Flor, que bom que melhorou um pouco e vai ficar melhor ainda...
mlr, eu que tô preocupada, ano que vem meu marido começa a estudar novamente, não sei como vou fazer almoço e jartar pq a facul é na cidade vizinha e saimos umas 5:30 da empresa, me diz, como cozinhar se a aula dele começa 6:30?"

E agora, Fabiane???

Bem, meninas e meninos, a pergunta de nossa amiga demonstra uma certa preocupação quanto à conciliar as tarefas domésticas, atividades de classe e empregatícia. Já passei por uma fase parecida, quando recém saído da casa dos meus pais precisei arrumar um segundo emprego.

Plano A: Comida congelada!

Sim, querida amiga. Congele os alimentos e sua vida será mais prática e feliz. E não precisa cozinhar por atacado, não!

Sugestão da Faby: Chame seu marido pra cozinha uma vez por semana e junto com ele elabore pratos para serem devorados durante a semana ou pelos próximos 15 dias. Funciona super bem. Depois de a comida ficar pronta, você separa as porções e acondiciona em pequenos potinhos. Esfria e deixa no freezer. Quando chegar em casa, passa do freezer pra geladeira e da geladeira pro microondas (para que seu lindo potinho não arrebente).

Quanto às porções, você pode separar uma quantidade que vocês dois comam no jantar, sem que sobre para o outro dia (arroz, feijão, macarrão, tudo junto dá certo). Procure guardar os legumes já lavados em sua geladeira. No caso de verduras como alface, você pode lavar, retirar bem a água e acondicionar em um pote com tampa e manter na geladeira. Deve durar cerca de 4 dias.

Você pode cozinhar uma quantidade grande de feijão e antes de congelar separar em porções menores, para refogar com temperos apenas na hora em que for comer. Congelar sem tempero evita que ele fique com cara de feijão de ontem.

Dá pra congelar panquecas, lasanha, raviole, carnes refogadas, sopas e caldos, arroz e polpa de frutas.

Não dá pra congelar maionese, batatas de forma alguma e legumes crus.

Plano B: Sanduíches naturais e frutas.

Dá pra passar comendo saduíchezinhos no lanche, caso você ou seu marido não goste de comida congelada.

Eu sei que muita gente repudia, comida que fica na geladeira, mas fazer o quê...

Pão de forma também conserva por uns dias se mantido sob refrigeração. Dá pra guardar frango desfiado, presunto e mussarela por uns dias somente em geladeira. E fritar ovo ou hamburguer (olha o congelado aqui!) é rapidinho!

Saladinha de frutas com gelatina também é legal.

Plano C: Comer em restaurante.

Se você achou todas as anteriores muito complicadas, acha que não vale a pena perder tempo no fim de semana ou não é fã de congelados ou sanduíches, só resta essa alternativa. Sendo assim, espero que seja uma pessoa bem provida financeiramente, pois no barato um self service sai R$13,90 o Kg.


Ufa! Espero ter ajudado...

24 de novembro de 2009

E foi assim que a minha raivinha passou por um momento...

...mas eu sei que ela vai voltar. Sempre volta.
E tudo que eu preciso para melhorar um pouco é uma boa noite de sono e um papo com meu companheiro de armadas, Fabiano.
Ele vem tentando me ensinar que não se resolve nada de cabeça quente. Que estressar não faz aparecer dinheirinho na minha conta corrente. Que amanhã é outro dia. Que depois da chuva o sol sempre volta a brilhar...
O fato é que dormir bastante e acordar bem ajudou muito. E pensei nos problemas com mais calma também.
Conclui que se não posso fazer nada agora, o jeito é esperar.
Enquanto espero, vou maquinando as coisas na minha cabeça. Estou na expectativa pra buscar os noivinhos, o material fotográfico... É, tiramos fotos sábado passado, contei?
Uma das causas do meu surto foi isso: Eu esperava o 13º cair na conta, no dia que meu chefe falou. Um dia antes ele avisou que só sai dia 30. Aí já viu... Eu já tinha marcado a sessão, o cabeleireiro, o chá de cozinha, já estava tudo na pauta... Mas chegou o dia, acordamos cedo e fomos lá, belos e formosos, como se estivessemos fotografando pro Paparazzo!
As fotos ficaram lindas! Meu cabelo ficou lindo. O make ficou lindo a ponto de querer dormir com aquele olho preto, tipo Beyoncé... Não vejo a hora de ver tudo pronto!
A sensação de insegurança também passou por um momento.
Agora estou um pouco mais otimista com as coisas e vou arrumar ânimo pra cuidar melhor de casa, que convenhamos, meio que deixei de lado por uns dias.

Ah, é isso... No andar da carruagem as abóboras se assentam!
Obrigada à todas, pelo apoio moral que tenho recebido!

23 de novembro de 2009

E então rolou o stres...

Por que comigo é assim: se a coisa não funciona eu chuto o balde!!!

Chuto o balde, empino a gaiola, subo a ladeira, desço das tamancas.

Às vezes, todo mundo tem seus momentos de frustração, de decepção, de ansiedade... eu tenho tido vários de stress. Preciso de férias, dar um tempo pra minha cabeça. Ficar em casa e dormir. Só dormir.
Preocupação causa stress. Monotonia causa stress. Chefe também, sabia?
E quando você fica na expectativa por um dinheirinho extra na sua conta e isso não acontece, rola um stress também.
E se você é uma noiva preocupada com a organização de seu casamento, sabe que ainda tem bastante coisa para ver e conta com cada centavo para fazer suas coisas, adivinhe só o que acontece?

Fiquei assim por que nosso abono de Natal ainda não saiu. Por que o cara da excursão que levaria a gente ao Ody Park não apareceu, estou insegura com algumas coisas e ainda com outras a definir.
Agora vim aqui, desabafei e acho que vai passar!
Até casar, sara.


19 de novembro de 2009

Novidade!

Ontem tive uma surpresa ao chegar em casa: meu livro de assinaturas estava me esperando na portaria.
Eu já estava super ansiosa pela espera e fiquei feliz pra caramba quando recebi pronto. Este livro foi um trabalho da Bia. É uma pessoa muito gente boa e super talentosa. Vale a pena dar uma olhada nos trabalhos dela!
Olha só!


A capa é linda. Gostei muito dos lacinhos e da flor aplicada.



Essa é uma das primeiras páginas. Na verdade têm duas com montagens de nossas fotos. Ficou show.

Em breve, as páginas também estarão recheadas.

17 de novembro de 2009

Mais um pouquinho de história...

Amor, lembra desse dia??

Na foto, Fabiano, com a cara de pastel e a timidez de quem acabou de ser surpreendido.

Eu me lembro muito bem. E lembro dos dias que o antecederam também... E lembro de tudo como se tivesse sido ontem e por isso vou escrever aqui, para que num amanhã não próximo, nós possamos continuar lembrando.

Fragmentos da história:

Essa foto foi tirada em 17/12/2006, quando comemoramos os 23 anos do Fabiano. Foi o primeiro aniversário que comemoramos juntos.
Um mês antes eu já vinha pensando no que dar de presente. Se ele ia gostar ou não. Se ia ter festinha ou não... O presente decidimos juntos, mas a festinha foi surpresa.
Nessa época o Fabiano ainda morava com uns caras, na República 5 e 1/2. Eu sempre tive amizade com o pessoal lá então não foi difícil armar o esquema. Procurei o Indião e o Fabrízio que foram meus cumplices na tarefa de cuidar da casa e receber o pessoal que vinha. A Pathy ficou de ajudar a organizar as coisas da casa e fotografar. Entreguei à minha mãe a tarefa de levar bolo e os quitutes e o resto do pessoal colaborou com refrigerante.
Até aí estava tudo certo.
No dia, combinamos de passar o domingo juntos, então rumei pra casa do meu princeso me segurando para não falar nada (Eu já tinha segurado até aquele momento, enganá-lo mais um pouco não ia fazer mal). Cheguei, fiz almoço com a turma e depois fomos dar uma volta.
Paguei um sorvetinho para ele, alías que sorvetinho caaaaaaro, quase que meu pouco dinheiro não deu! Ele não desconfiou de nada. Na verdade, desconfiou um pouco sim pois meu celular não parava de tocar (que saco).
Num dado momento, tocou com a pessoa certa. Mamys ligou avisando que já tava tudo certo e eu menti pra ele, claro. Falei que meu pai foi me buscar para irmos à casa do meu tio. Fabiano ficou nervoso, mas quando colocou os pés dentro de casa, cada um saiu de um canto cantando parabéns. Pense numa cara de pastel. Pense numa pessoa que não sabia onde enfiar a cara.
E assim foi a festinha. Surpresa 100% até o final!

Outros aniversários vieram, mas em nenhum deles jamais consegui tal proeza.
Ano passado, já dividiamos a casa. Fiz um bolo meio às pressas, antes de sair para o trabalho, mas me esqueci que ele chegaria antes de mim... Ele achou o bolo e acabou com a surpresa.
Agora tenho um mês para pensar.
E aí, amorzão? Qual vai ser a desse ano, hein?

Não percam cenas dos próximos episódios.

16 de novembro de 2009

Som na caixa!


E aí moçada!!! Já definiram as canções que devem tocar na sua cerimônia e recepção??? Não??? Parabéns! Estou no mesmo barco.
Hoje parei pra pensar e conclui que vou ter que resolver essa pendência o mais breve possível.
Bom, pra falar bem a verdade ainda não sei nem como faremos a cerimônia, pois deveria ser realizada pelo juíz de paz no local da recepção, mas o preço cobrado por casamento em diligência meio que dobra. Agora preciso de outra estratégia. Doida eu, né?

Até então, eu já sabia mais ou menos como ia ser. O cara vinha, fazia o serviço dele no local, e a gente cortava o bolo. Contratei um Dj  e já passei essa letra. Tirando esses dois problemas o resto tá acertado. Só falta definir que tipo de música NÃO quero que ele toque na festa.

De uma coisa eu tenho certeza: Tem que rolar um playback dos Paralamas, se não eu choro!
Curte a letra aí:

"Mensagem De Amor

Os livros da estante,
já não tem mais
tanta importância 
Do muito que eu li,
do pouco que sei
nada me resta

A nao ser a vontade
de te encontrar
o motivo eu já nem sei
Nem que seja só para 
estar ao seu lado
Só para ler no seu rosto 
Uma mensagem de amor

A noite eu me deito 
Entao escuto
a mensagem no ar
tambores rufando 
Eu já não tenho 
nada pra te dar

A nao ser a vontade
de te encontrar
o motivo eu já nem sei
Nem que seja só para 
estar ao seu lado
Só para ler no seu rosto 
Uma mensagem de amor


No céu estrelado
eu me perco
com os pés na terra
Vagando entre os astros
Nada me move 
Nem me faz parar. 

A nao ser a vontade
de te encontrar
o motivo eu já nem sei
Nem que seja só para 
estar ao seu lado
Só para ler no seu rosto 
Uma mensagem de amor"

13 de novembro de 2009

Top Cakes!!!


Sabe o que é? Topo de bolo é uma coisa que me encanta.

Ontem liguei pra saber a quantas anda a minha encomenda e posso ter a certeza que será entregue no prazo e sem complicação! Mas o meu, merece um post mais que especial. Vou aguardar até ficar pronto e mostrar aos quatro ventos!

Hoje, quero falar da criatividade que uma pessoa deve ter para fazer o design desses personagens do nosso casamento. Criatividade e paciência.
Trabalhar com biscuit, honestamente, para mim é uma chatice. Não tenho o menor talento pra fazer bonecos de massinha, imagine fazer um casal de noivinhos...
Temos que dar uma atenção especial a eles também. Fazem parte da decoração e também atraem olhares. Sim! Os noivinhos também brilham, sabia? Cofesso que sempre que vou em casamento, fico na espreita para ver o que vem por aí.

Na internet, sempre achamos coisinhas legais e hoje encontrei um site inglês de uma designer muito criativa. Tem noivinhos pra todos os gostos, desde casais convencionais até famílias inteiras.
O que me deixou mais encatada foi esse Beatle aí. Não é uma graça?

Vale a pena olhar os de fora e valorizar o que temos aqui dentro.

12 de novembro de 2009

Decorações.

Simplesmente adoro fotos que mostram a decoração. Os detalhes fazem toda a diferença.
Tenho notado, através de longas conversas com as amigas e visto em muitas comunidades Orkut a fora que um item que dá bastante dor de cabeça justamente é a decoração.
Quando não é flor murcha, é tule sujo e por aí vai... Fora que é muito difícil encontrar uma pessoa que crie na mente aquilo que você está descrevendo como a SUA decoração perfeita.
Devemos então ter muito cuidado na hora de decidir a quem vamos entregar a responsabilidade de harmonizar o ambiente, pois não basta ser bom profissional, tem que caprichar. Precisa ter amor à camisa e dedicação ao trabalho e principalmente, honrar o contrato.

Fica a dica e duas fotos de pequenos detalhes superlegais de decorações alheias.

Essa decoração está perfeita. Adorei as cores utilizadas e a disposição dos arranjos na mesa de doces. Só a garrafa verde que não ficou assim tãããão legal, mas tá bom do mesmo jeito.

Essas flores penduradinhas são muito inspiradoras. Realmente ficam muito delicadas quando bem utilizadas.

E falando em decoração, na próxima quinta vou com uma amiga ver o que a minha decoradora anda aprontando por aí. Vamos ver uma igreja ornamentada por ela. 
Logo tem mais! Aguarrrrdeemmmmm...



11 de novembro de 2009

Eu não sirvo de exemplo para nada.

Recebi este texto por e-mail e achei legal compartilhar.

'Eu não sirvo de exemplo para nada, mas, se você quer saber se isso é possível, me ofereço como piloto de testes. Sou a Miss Imperfeita, muito prazer. A imperfeita que faz tudo o que precisa fazer, como boa profissional, mãe, filha e mulher que também sou: trabalho todos os dias, ganho minha grana, vou ao supermercado, decido o cardápio das refeições, cuido dos filhos, marido (se tiver), telefono sempre para minha mãe, procuro minhas amigas, namoro, viajo, vou ao cinema, pago minhas contas, respondo a toneladas de e mails, faço revisões no dentista, mamografia, caminho meia hora diariamente, compro flores para casa, providencio os consertos domésticos e ainda faço as unhas e depilação!

E, entre uma coisa e outra, leio livros.

Portanto, sou ocupada, mas não uma workholic.

Por mais disciplinada e responsável que eu seja, aprendi duas coisinhas que operam milagres.

Primeiro: a dizer NÃO.

Segundo: a não sentir um pingo de culpa por dizer NÃO. Culpa por nada, aliás.

Existe a Coca Zero, o Fome Zero, o Recruta Zero. Pois inclua na sua lista a Culpa Zero.

Quando você nasceu, nenhum profeta adentrou a sala da maternidade e lhe apontou o dedo dizendo que a partir daquele momento você seria modelo para os outros.

Seu pai e sua mãe, acredite, não tiveram essa expectativa: tudo o que desejaram é que você não chorasse muito durante as madrugadas e mamasse direitinho.

Você não é Nossa Senhora.

Você é, humildemente, uma mulher.

E, se não aprender a delegar, a priorizar e a se divertir, bye-bye vida interessante. Porque vida interessante não é ter a agenda lotada, não é ser sempre politicamente correta, não é topar qualquer projeto por dinheiro, não é atender a todos e criar para si a falsa impressão de ser indispensável. É ter tempo.

Tempo para fazer nada.

Tempo para fazer tudo.

Tempo para dançar sozinha na sala.

Tempo para bisbilhotar uma loja de discos.

Tempo para sumir dois dias com seu amor.

Três dias.

Cinco dias!

Tempo para uma massagem.

Tempo para ver a novela.

Tempo para receber aquela sua amiga que é consultora de produtos de beleza.

Tempo para fazer um trabalho voluntário.

Tempo para procurar um abajur novo para seu quarto.

Tempo para conhecer outras pessoas.

Voltar a estudar.

Para engravidar.

Tempo para escrever um livro que você nem sabe se um dia será editado.

Tempo, principalmente, para descobrir que você pode ser perfeitamente organizada e profissional sem deixar de existir.

Porque nossa existência não é contabilizada por um relógio de ponto ou pela quantidade de memorandos virtuais que atolam nossa caixa postal.

Existir, a que será que se destina?

Destina-se a ter o tempo a favor, e não contra.

A mulher moderna anda muito antiga. Acredita que, se não for super, se não for mega, se não for uma executiva ISO 9000, não será bem avaliada. Está tentando provar não-sei-o-quê para não-sei-quem.

Precisa respeitar o mosaico de si mesma, privilegiar cada pedacinho de si.

Se o trabalho é um pedação de sua vida, ótimo!

Nada é mais elegante, charmoso e inteligente do que ser independente.
Mulher que se sustenta fica muito mais sexy e muito mais livre para ir e vir. Desde que lembre de separar alguns bons momentos da semana para usufruir essa independência, senão é escravidão, a mesma que nos mantinha trancafiadas em casa, espiando a vida pela janela.

Desacelerar tem um custo. Talvez seja preciso esquecer a bolsa Prada, o hotel decorado pelo Philippe Starck e o batom da M.A.C.
Mas, se você precisa vender a alma ao diabo para ter tudo isso, francamente, está precisando rever seus valores.

E descobrir que uma bolsa de palha, uma pousadinha rústica à beira-mar e o rosto lavado (ok, esqueça o rosto lavado) podem ser prazeres cinco estrelas e nos dar uma nova perspectiva sobre o que é, afinal, uma vida interessante'

Martha Medeiros - Jornalista e escritora

10 de novembro de 2009

Uma pequena comparação entre o time que a Fabiane torce ( Santos) , como time que eu torço (São Paulo )

São Paulo Futebol Clube
Títulos:

Santos Futebol Clube:
Títulos:
Mundial Interclubes de 1962 e 1963
Recopa dos Campeões Mundiais: 1 (1968)
Copa Libertadores da América: 2(1962 e 1963)
Recopa Sul-Americana: 1(1968)
Copa Conmebol: 1(1998)
Taça Brasil: 5 (1961, 1962, 1963, 1964 e 1965)
Torneio Roberto Gomes Pedrosa: 1(1968)
Campeonato Brasileiro: 2(2002 e 2004)
Torneio Rio-São Paulo: 5 (1959, 1963, 1964, 1966 e 1997)
Campeonato Paulista: 17 (1935, 1955, 1956, 1958, 1960, 1961, 1962, 1964, 1965, 1967, 1968, 1969, 1973, 1978, 1984, 2006 e 2007)

Infelizmente nisso não combinamos, mas o melhor ( nisso combinamos) é ver o Corinthians perder ( Ronaldoo !)


E eu, que nunca ganhei nem frango assado na quermesse...

... ganhei um passaporte com direito a acompanhante para o Ody Park, em Maringá!

Uhuuuull!!!

Ganhei na promoção do portal Bonde e logo vou retirar meu prêmio e aproveitar para expor a brancona um dia ensolarado que Deus há de me mandar.

Legal, né?

9 de novembro de 2009

Pagando Selinho!

Oi!
Ganhei selinhos e resolvi pagar. Há uns dias, salvei aqui alguns que ganhei e não postei na hora, e acabei perdendo... Tipo, tá aqui, mas não acho, entende?
Então, vou selar só esses que vieram da Cecil.

Publicar quem te ofereceu o selinho: A Cecil
Responder às seguintes perguntas:
1) Você ama? Sim, amo. Amo muito o Fabiano.
2) Você adora? Adoro um dia de sol, calor, horário de verão, picolé de fruta...
3) Você deseja? Desejo tanta coisa... Não caberia aqui.
4) Você sonha? Sonho quase todas as noites. As vezes sonho acordada, quando começo a "pescar" aqui no serviço.
5) Você é? Estranha...

Indicar e avisar quantos blogs quiser para receberem o selinho.





- Postar quem lhe deu o selo (Idem ao selo 1)
- Responder às perguntas e curiosidades
- Indicar 5 amigas blogueiras para receber o selinho:

Cor de esmalte: Hoje é Azul Royal, da Colorama. Amanhã pode ser o 5ª Avenida, ou o Sexy... depende do bom humor.
Cor de batom: Agora é só brilho roll-on, sabor morango. Não tenho uma cor fixa. Ultimamente tenho usado tons de rosa e vermelho.

Odeio: Quando me tratam mal e eu estou tentando ser simpática. Minha cara muda na hora. É sangue no zói!
Música: Tô sempre com Paralamas na cabeça... "Cuide bem do seu amor, seja quem for..."
Livro: Estou lendo "Por que os Homens Fazem Sexo e as Mulheres Fazem Amor".
Meu maior sonho é: Aquele que vende em uma padaria lá em Cambuí. Superou até os que tive na infância.

As amigas que ganharam o selinho são:

Day

Ale

Carol

Amanda

Rayane - que nunca consigo visualizar direito o blog dela, mas leio sempre que consigo e sei que ela também adora um selinho!




7 de novembro de 2009

E os preparativos pro Casório?

Está tudo muito tranquilo agora. Só faltam detalhes.
Já temos o terno do noivo. Agora só falta camisa, gravata e sapatos.
Meu vestido já está pronto mas requer ajustes. Vou esperar mais um pouco para fazer. 
Já acertei tudo pro chá de cozinha. Será um chá de senhoras mesmo, só vai as meninas, lá em casa no comecinho do próximo mês. Neste sábado devo fazer a lista na Camicado.
A lista de presentes está no site da Americanas.
Quero visitar minha decoradora e ver quanto fica as flores pras lapelas. Não quero cravos. Prefiro astromélias.
Já encomendei os noivinhos, que devem estar prontos até o final deste mês e o livro de assinaturas deve chegar até dia 20.
Agora vamos marcar nossa sessão de fotos e a data no cartório.

Tudo muito tranquilo.

6 de novembro de 2009

Exercitei a minha paciência.

Sabe aquelas pessoas que vivem angustiadas, ansiosas, que ficam apreensivas, em sinal de alerta 24h por dia?
Sabe aquelas pessoas que não sossegam até cumprirem uma meta, e não descansam até ver o trabalho 100% concluído?
Conhece alguem com mania de querer tudo perfeitinho?

Pois é, eu também sou assim. Era. 
Arrumei uma terapia que me pôs na linha: trabalhos manuais.
Comecei com ponto cruz, ponto vagonite. Costurei algumas peças e agora cheguei ao meu nível máximo: fiz meu vestido. Agora só faltam alguns ajustes. Quero modificar umas coisas nele para ver se fica realmente perfeito.

Dá trabalho costurar. Pregar pedraria então... Quem não sabe respirar e contar até 10 vai aprender rapidinho quando começar!
Eu aprendi!