Together Forever.

Daisypath Anniversary tickers

13 de julho de 2010

Quem casa quer casa, cachorro...

Acho que uma das primeiras atitudes de casal recém casado é adotar um mascote. Lá em casa não foi diferente, temos uma mascote, mas o que marca é a forma como foi concebida tal adoção.
Marids queria um filhote. Um pug. Ou um gato. Ele sempre gostou de bichos e tem uma paciência enorme. Eu não gosto de gatos, por serem bichos, sei lá, desapegados que não interagem com o dono, soltam pelos e fazem aquele barulhinho de bicho engasgado... Aff... De cachorro eu gosto mais, porém acho que seria muita crueldade deixar o bichinho praticamente sozinho o tempo todo e fora os custos, então, de início optamos por não termos nenhum animal.
Depois que meus pais foram "viver" lá em casa, um belo dia, meu pai aparece com uma cachorrinha fofa, com uma cara de tadinha, que fiquei com pena e deixei ela ficar. Foi resgatada da rua, então agora ela teria um lar. E começamos a gastança: comprar coleira, guia, shampoo, ração...
E começou o exercício de paciência: Dar banho, levar pra rua, limpar as sujeirinhas...
Ainda bem que é uma cachorra quietinha, quase não late e não morde chinelos. E ela é assanhada também, adora fazer festinha pra quem chega. E dengosa, adora colinho e dormir no sofá.
Como todo cachorro, adora ficar do lado da mesa na hora das refeições, esperando pra ver se sobra alguma migalha pra ela, deita de barriga pra cima pra chamar atenção e às vezes faz greve de fome.
Gosta de passear como se não houvesse amanhã e detesta elástico na cabeleira.
Cachorro é bicho esperto. E ela veio numa boa hora e virou dama de companhia pra minha mãe, que nesses dias de recuperação tem ficado sozinha em casa.
E depois, quando nossa vida voltar ao normal, não sei se ela irá embora ou se ficará, mas com certeza, passamos uma fase divertida.

2 comentários:

Andie disse...

que gostoso ter um au-au...

Eu quero muiiito um, já tah combinado meu presente de formatura vai ser um cachorrinho! :D
Curta muito seu au-au!!!

beijos

Kety disse...

acho que se for amor demais ela acaba ficando... senão alem de válida a experiência em breve vcs acabam realmente adotando um proces!!! rs

bjs gata